Selo Sou 100% PJe
  • RSS
  • Youtube
  • E-mail
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

O Núcleo de Segurança Institucional do TRT20 (NSI) apresentou levantamento sobre dados de acautelamentos de armas de fogo e retenções de armas branca no ano de 2017 no complexo da Justiça do Trabalho. Foram acauteladas 317 armas de fogo e retidas 1.534 objetos cortantes, perfurantes ou contundentes.

Segundo David Freire Bonfim, chefe do NSI, o protocolo de segurança de acesso aos prédios do complexo da Justiça do Trabalho é realizado mediante a utilização de aparelho de raio-x e portal detector de metais. “Durante algumas abordagens realizadas em 2017 foram identificados diversos objetos, dentre os quais: facas, peixeiras, canivetes, estiletes, chaves de fenda, alicates, tesouras, ferramentas e outros”, disse.

Os procedimentos preventivos de segurança e controle de acesso às dependências do tribunal vêm garantindo maior segurança e tranquilidade aos usuários da Justiça do Trabalho, contribuindo para uma minimização significativa da possibilidade de incidentes envolvendo os referidos objetos.